jusbrasil.com.br
2 de Julho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região TRT-5 - Recurso Ordinário: RecOrd 000XXXX-30.2011.5.05.0038 BA 000XXXX-30.2011.5.05.0038

Detalhes da Jurisprudência

Órgão Julgador

5ª. TURMA

Partes

Banco do Brasil Sa, Ademar Alves de Oliveira Filho

Publicação

DJ 30/09/2014.

Relator

MARIA ADNA AGUIAR
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

DOENÇA OCUPACIONAL. NEXO DE CAUSALIDADE.

Na doença que acometeu o Autor, mesmo que o ambiente de trabalho não tenha sido a causa exclusiva para o aparecimento da enfermidade, a existência de fatores que agravem o estado de saúde do empregado caracterizam a lesão e geram direito a indenização por danos morais, eis que redundam na responsabilidade civil do empregador. INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS E MATERIAIS. DOENÇA OCUPACIONAL. A configuração de doença ocupacional, provocando danos e sequelas à saúde do trabalhador, enseja reparação por danos morais e materiais.
Disponível em: https://trt-5.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/158319972/recurso-ordinario-record-11583020115050038-ba-0001158-3020115050038

Informações relacionadas

Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região
Jurisprudênciahá 8 anos

Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região TRT-5 - Recurso Ordinário: RecOrd 000XXXX-93.2010.5.05.0037 BA 000XXXX-93.2010.5.05.0037

Tribunal Superior do Trabalho
Jurisprudênciaano passado

Tribunal Superior do Trabalho TST - AGRAVO DE INSTRUMENTO EM RECURSO DE REVISTA: AIRR 520-02.2018.5.09.0018